Procurar

Conheça o vasto Património Religioso existente no concelho de Vila Pouca de Aguiar

Capela da Senhora da Consolação

IPA.00006951

Alfarela de Jales, Vila Pouca de Aguiar

Capela oitocentista de planta retangular e volume simples com cunhais marcados por pilastras, fachada principal em empena de cornija telhada, porta retangular ladeada de janelas do mesmo tipo, e sineira coroando o centro da fachada lateral.

Serra da Padrela, isolado, no centro do aglomerado. Apresenta a fachada virada para a rua principal, a EN. 212, ocupando o espaço central do entroncamento com uma rua secundária de pavimento empedrado em declive. Possui em frente e a toda a largura da fachada uma plataforma lajeada com três degraus frontais, cerrada por grade metálica ocre com portão central. Do lado oposto da rua, um pouco para Norte, localiza-se o Pelourinho de Alfarela de Jales.

 

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Bornes / Capela do Sagrado Coração de Jesus

IPA.00014054

Rua Central, Bornes de Aguiar, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, maneirista e barroca. Capela seiscentista de planta retangular composta de nave e capela-mor, mais baixa e estreita, com sacristia adossada à fachada lateral esquerda. Fachadas em cantaria aparente, com cunhais apilastrados e terminadas em cornija. Fachada principal terminada em empena recortada e rasgada por portal de verga reta entre pilastras sustentando entablamento, sobrepujado por janela retangular e cartela. Fachada lateral esquerda com janela de capialço e a oposta com janelas na nave e capela-mor e porta travessa de verga reta e frontão triangular; a posterior é cega e termina em empena. Interior com coro-alto de madeira, púlpito do lado do Evangelho, duas capelas laterais confrontantes com retábulos de talha dourada barroca, e dois retábulos colaterais de ângulo, também barrocos, ladeando o arco triunfal de volta perfeita. Na capela-mor, retábulo de talha neoclássica, de planta convexa e três eixos.

Localiza-se na rua central da aldeia, em posição sobranceira ao largo onde se ergue o Cruzeiro de Bornes de Aguiar. Isolada, envolvida ê frente e do lado Norte, por adro empedrado e arborizado com oliveiras, cerrado por muro de granito percorrido por bancos de pedra e rematado na zona frontal por gradeamento de ferro com remate em lanças. A espaços regulares, pilaretes moldurados enquadram também os acessos feitos por dois portões laterais e um frontal, este antecedido por escadaria de pedra exterior.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Nossa Senhora da Conceição

IPA.00005830

Rua Central Portugal, Cidadelhe, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, rococó. Capela de planta longitudinal simples e de espaço único, interiormente iluminado pelos vãos axiais e com teto de madeira, de perfil curvo. Fachada principal terminada em frontão interrompido por cruz, com cunhais apilastrados e rasgada por portal de verga reta, ladeado por pilastras suportando frontão sem retorno e entrecortado por brasão, enquadrado por vãos. Interior com coro-alto, acedido pela casa, vãos laterais e, sobre o supedâneo, retábulo-mor rococó, de talha pintada a marmoreado fingido e dourado, de planta côncava e um eixo. Capela privada da segunda metade do séc. 18, adossada a antiga casa nobre, atualmente muito descaracterizada. Fachada principal revelando algum cuidado decorativo, com o portal de moldura em bisel encimado por entablamento, com zona central relevada, e frontão interrompido por brasão envolto com concheados, enrolamentos e elementos fitomórficos, que se repetem ladeando as pilastras e sobre a moldura dos vãos. No interior, o retábulo-mor constitui uma interpretação regional dos retábulos da Oficina de André Soares. Apresenta o recurso exagerado no uso do concheados, as pilastras e colunas definidoras do eixo não são da ordem coríntia e o ático, em espaldar, é recortado lateralmente; as mísulas que ladeiam o nicho central têm forma pouco comum. Os vãos, frisos e cornijas do interior foram pintados a marmoreados fingidos das cores do retábulo-mor.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Nossa Senhora do Rosário

IPA.00026016

Portugal, Vila Real, Vila Pouca de Aguiar, Valoura

 

Arquitetura religiosa, maneirista e do séc. 20. Capela de planta longitudinal, interiormente iluminada pelos vãos laterais, tendo adossado de ambos os lados anexos construídos no séc. 20. Fachada principal terminada em empena truncada por sineira e rasgada por portal de verga reta.

Localiza-se em lugar bastante sobrelevado relativamente à estrada que atravessa a povoação, no interior da qual se ergue. Insere-se em adro, adaptado ao declive do terreno, pavimentado a paralelos de granito ou a cimento, rodeado de casas de arquitetura vernácula, algumas de grande interesse arquitetónico.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Pedras Salgadas / Capela de São Martinho

IPA.00033767

Vila Meã, Bornes de Aguiar, Vila Pouca de Aguiar,

 

Arquitetura religiosa, do séc. 20. Capela de planta retangular composta, interiormente com iluminação axial e bilateral, provavelmente construída na centúria de oitocentos e reformada em meados do séc. 20. Fachada principal terminada em empena truncada por sineira.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Quintã

IPA.00026189

Rua do Eiró, Quintã, Vila Pouca de Aguiar, Vreia de Jales

 

Arquitetura religiosa, maneirista. Capela de planta longitudinal simples, interiormente iluminada por frestas laterais. Fachadas em cantaria aparente, terminadas em cornija, com pináculos nos cunhais, a principal terminada em empena truncada por sineira e rasgada por portal de verga reta. Fachadas laterais com frestas de capialço na zona do altar-mor e porta travessa de verga reta na lateral direita. Fachada posterior terminada em empena. Cruzeiro com plinto paralelepipédico, pilar quadrangular toscano suportando cruz de madeira nodosa com imagem de Cristo.

Localiza-se no interior da povoação, inserido num largo, adaptado ao declive, pavimentado a paralelos de granito e envolvido por casas. À fachada principal encosta-se banco de pedra e ladeando o portal surge quadro de anúncios em alumínio afixado. O cruzeiro alpendrado colocado na fachada lateral direita é acedido por vários degraus.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Santa Ana

IPA.00026820

Rua de Cima, Vidoedo, Vila Pouca de Aguiar

WGS84: 41º29’19.89”N., 7º45’56.08”O.

Arquitetura religiosa, vernácula e maneirista. Capela de planta longitudinal simples, interiormente iluminada por fresta na zona do retábulo-mor e com teto de madeira. Fachadas rebocadas e pintadas, com cunhais em cantaria, terminadas friso e cornija, a principal em empena, encimada por sineira e rasgada por portal de verga reta. Na fachada lateral esquerda abre-se porta travessa, na oposta fresta e a posterior termina igualmente em empena. Interior de espaço único com retábulo-mor maneirista, de planta reta e três eixos.

Encontra-se integrada na Serra do Alvão, no interior da povoação, a 897 m de altitude, junto ao caminho que o atravessa, adaptada ao declive do terreno. Na envolvente existe afloramentos rochosos sobrelevados, várias habitações e antigo muro de propriedade com portão brasonado.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

 

Capela de Santa Bárbara

IPA.00025470

Largo da Capela, Cabanes, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, vernácula. Capela de planta longitudinal composta por nave e capela-mor, mais baixa e estreita, interiormente iluminada pelas frestas laterais. Fachada principal em cantaria de granito aparente, terminada em empena com cunhais apilastrados, coroados por pináculos piramidais com bola, rasgada por portal de verga reta, e as laterais rebocadas, terminadas em cornija, rasgadas por frestas de capialço e porta travessa de verga reta, na lateral esquerda.

Localiza-se à saída da povoação, inserido em pequeno adro, de perfil curvo na fachada posterior, vedado por muro rebocado e pintado com gradeamento de ferro, junto a habitações de arquitetura vernacular e a terrenos de cultivo. O adro, rebaixado relativamente à estrada, possui pavimento de lajes à volta da capela e em gravilha e várias cruzes da Via-Sacra, uma delas com plinto inscrito com data muito delida. Nas proximidades ergue-se o lavadouro público e implanta-se o cemitério.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Santa Bárbara

IPA.00026024

Cubas, Valoura, Vila Pouca de Aguiar

Arquitetura religiosa.

Localiza-se na aldeia de Cubas, pequeno templo em granito, na fachada destaca-se uma pequena sineira encimada por uma cruz.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Santa Cruz em Campo de Jales

IPA.00006828

Largo de Santa Cruz

Campo de Jales, Vreia de Jales, Vila Pouca de Aguiar

 

Capela barroca de espaço único com planta retangular simples e cobertura interior em abóbada, com cunhais marcados por pilastras sobrepujadas por pináculos, e fachada principal em empena de cornija, rasgada por amplo portal de volta perfeita, possivelmente já do séc. 19, albergando no interior cruzeiro com grupo escultórico em ambas as faces.

Localiza-se na Serra da Padrela num largo empedrado com cubo granítico, no interior do aglomerado, para onde se abrem construções de tipo vernacular e outras incaracterísticas.

 

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Santo António

IPA.00026821

Largo do Santo, Carrazedo do Alvão, Vila Pouca de Aguiar

Capela de construção setecentista, promovida pela população local, de planta retangular composta por nave e capela-mor, mais baixa e estreita, interiormente com iluminação axial e bilateral e cobertura de madeira, tendo adossado à esquerda sacristia. Apresenta as fachadas em cantaria, terminadas em cornija, a principal terminada em empena e rasgada por portal de verga reta e óculo. Nas fachadas laterais abrem-se janelas de capialço e porta travessa, na lateral direita, sendo a posterior cega e terminada em empena. O interior encontra-se muito despojado, conservando os vãos laterais dos antigos confessionários embutidos, das duas capelas no topo da nave e o do retábulo-mor desnudos, sem as estruturas retabulares. Possui coro-alto de madeira e púlpito no lado do Evangelho, ambos com guarda recente, em balaústres torneados. Tem campanário isolado, disposto lateralmente junto à frontaria.

Localiza-se na Serra do Alvão, no interior da povoação, junto da estrada que a atravessa, possuindo largo fronteiro, pavimentado a paralelos de granito, delimitado por casas de habitação e campos de cultivo. Adapta-se ao declive do terreno, sendo o portal principal precedido por três degraus. Junto à fachada lateral esquerda, erguem-se os tanques lavadouros da povoação, protegidos por alpendre de betão.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Santo António

IPA.00025472

Afonsim, Avão, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, vernácula. Capela seiscentista de planta longitudinal simples, com fachadas em cantaria aparelhada, a principal terminada em empena, de cunhais apilastrados, coroados por pináculos, e rasgada por portal de verga recta e moldura simples; as fachadas laterais são terminadas em cornija e rasgadas por fresta de capialço na zona do retábulo-mor e a posterior termina em empena.

Localiza-se no interior da povoação, em face da estrada que a atravessa e disposta paralela à mesma.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Santo António

IPA.00004180

Lagoa, Bornes de Aguiar, Vila Pouca de Aguiar

 

Capela de nave e capela-mor formando um único volume de planta retangular, fachada principal em empena truncada por sineira de ventana em arco de volta perfeita e com portal de lintel reto, com frontão curvo interrompido por nicho.

Localiza-se numa zona de encosta, proeminente ao aglomerado de Lagoa, e sobranceira a lameiros e terrenos agrícolas numa típica paisagem da Serra da Padrela. Possui um amplo adro murado com pavimento calcetado e acesso por portão frontal, ao nível da rua. Do lado E. o adro é suportado por alto muro de alvenaria ensossa, reforçado por outro do mesmo tipo, em socalco e com vários lanços de escadaria que constitui acesso a partir do sopé da encosta.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Santo António em Campo de Jales

IPA.00006956

Campo de Jales, Vila Pouca de Aguiar

Arquitetura religiosa, barroca. Capela barroca de planta retangular com cunhais marcados por pilastras, fachada principal em empena truncada por sineira e com portal retangular, albergando retábulo-mor de talha dourada repintada.

Localiza-se na Serra da Padrela, isolada no centro de um entroncamento de ruas, no interior do aglomerado, envolvida por construções de tipo vernacular ou incaracterísticas.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de Santo Ovídeo

IPA.00033764

Rua Principal, Vreia de Jales, Vila Real, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, maneirista. Capela de planta retangular simples, interiormente com iluminação axial e bilateral. Fachadas com cunhais apilastrados, coroados de pináculos, e terminadas em friso e cornija. A principal termina em empena e é rasgada por portal de verga reta encimado por frontão triangular entre janelas jacentes e as laterais por janelas de capialço na zona do retábulo; a posterior é cega e termina em empena. Interior desnudo e de espaço único.

Localiza-se no adro da Igreja Paroquial de Vreia de Jales / Igreja de Nossa Senhora da Assunção, dispondo-se a Norte da mesma. No adro, em terra, vedado por muro e com portão frontal, existe Via Sacra e Calvário e dispõem-se várias sepulturas antropomórficas; ergue-se ainda um coreto. No exterior do adro, ergue-se, no outro lado do caminho, fonte de mergulho e tanque lavadouro

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de São Bento

IPA.00025116

Largo de São Bento

Vilarinho de São Bento, Capeludos, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, maneirista e barroca. Capela de planta longitudinal, composta de nave única e capela-mor, mais baixa e estreita, interiormente com tetos de madeira, com sacristia adossada à fachada lateral esquerda. Fachada principal seguindo a tratadística de Vignola, terminada em tabela retangular horizontal, rematada em frontão semicircular e ladeada de aletas, com cunhais apilastrados coroados por pináculos e rasgada por portal de verga reta, flanqueado por pilastras que sustentam frontão semicircular encimado por óculo e ladeado de frestas jacentes. Fachadas laterais terminadas em friso e cornija e rasgadas por fresta com moldura de capialço e porta travessa de verga reta. Interior com coro-alto com guarda em balaustrada, pias de água benta gomeadas a ladear os portais, púlpito com bacia quadrada e guarda plena em talha no lado do Evangelho, arco triunfal envolvido por estrutura em talha incorporando os retábulos colaterais, tudo com decoração barroca. Capela-mor com teto de caixotões pintados e retábulo-mor em talha dourada de planta côncava e um eixo. Campanário erguido separadamente, à frente da capela, de planta retangular e corpo terminado em cornija com suas sineiras.

Localiza-se no limite exterior da povoação, que se desenvolve em cota inferior, inserido em adro, vedado por muro de cantaria, interiormente percorrido por baileu, à exceção da fachada lateral esquerda, onde é delimitado por muro de sustentação de terras, com eucaliptal. Adro em terra batida, acedido frontalmente por portão de ferro, enquadrado por pilares, coroados por pináculos piramidais com remate esférico, o da esquerda inexistente. Em frente da fachada principal, disposto lateralmente, ergue-se sobre maciço rochoso o campanário.

 

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de São Geraldo

IPA.00006830

Bornes de Aguiar, Vila Pouca de Aguiar,

 

Arquitetura religiosa, maneirista. Capela de planta retangular composta por nave e capela-mor, mais estreita e baixa, interiormente cobertas de madeira, precedida de alpendre, assente em colunas toscanas e pilares sobre murete. Fachada principal de cunhais apilastrados, terminada em empena e rasgada por portal em arco de volta perfeita, de aduelas largas, com chanfro. Fachadas laterais terminadas em cornija, a lateral direita rasgada por frestas de capialço e a oposta por porta travessa. No interior possui retábulo-mor maneirista em talha dourada.

Localiza-se em zona arborizada a meia-encosta na Serra da Padrela. Tem adossado lateralmente o edifício abandonado da antiga residência paroquial, abrindo-se a fachada para o adro térreo da Igreja Matriz de Bornes de Aguiar, junto da qual se localiza.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de São Mamede

IPA.00025471

Afonsim, Alvão, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, maneirista. Capela de planta longitudinal simples, interiormente com teto de madeira e iluminado pelos vãos axiais e frestas laterais. Fachada principal terminada em empena truncada por sineira, com cunhais apilastrados coroados por pináculos com bola e rasgada por portal de verga reta e óculos laterais. Fachadas laterais terminadas em empena, rasgadas por fresta na zona do retábulo-mor, abrindo-se na lateral esquerda porta travessa de verga reta.

Localiza-se à entrada da povoação, inserida em pequeno adro disposto junto à estrada que a atravessa, com pavimento em paralelos de granito e rodeada por casas de arquitectura popular e campos de cultivo.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

 

Capela de São Sebastião

IPA.00026185

Cerdeira de Jales, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, vernácula. Capela de planta longitudinal simples, interiormente de espaço único. Fachadas em cantaria aparente, com cunhais horizontalizados coroados por pináculos, a principal terminada em empena truncada por sineira e rasgada por portal de verga reta entre dois óculos. Fachada lateral direita com porta travessa e fresta na zona do altar-mor. No interior retábulo de talha policroma e dourada novecentista.

Localiza-se no interior da povoação, sobre plataforma niveladora do terreno, integrado em adro espaçoso, junto à estrada de paralelos que a atravessa, rodeado de campos de cultivo e pontuado de algumas habitações. Na proximidade, ergue-se fonte de mergulho, a Escola Primária do Plano dos Centenários e, para o lado oposto, um grupo de espigueiros.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de São Sebastião

IPA.00032305

Cidadelha, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, do séc. 20. Capela (re)construída na década de 50, de planta longitudinal composta de nave e capela-mor, mais baixa e estreita, interiormente com iluminação axial e bilateral e com tetos de madeira. Fachadas em cantaria aparente, a principal terminada em empena e rasgada por portal em arco quebrado, óculo e pequenos vãos curvos. No interior possui púlpito no lado do Evangelho e retábulo do séc. 20.

Localiza-se no interior da povoação, num dos principais largos da mesma, pavimentado a paralelos, constituído pela encruzilhada de arruamentos, que circundam a capela, não possuindo elemento separador. Nas imediações ergue-se a Ponte de Cidadelha e Capela do Senhor dos Aflitos, uma fonte de mergulho e um cruzeiro da Via Sacra.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela de São Sebastião

IPA.00032306

Portugal, Vila Real, Vila Pouca de Aguiar, Bragado

 

Arquitetura religiosa, maneirista. Capela de planta retangular simples, interiormente com iluminação axila e bilateral na zona do retábulo-mor, e com teto de madeira. Fachadas em alvenaria aparente, com cunhais apilastrados, coroados por pináculos e terminadas em duplo friso e cornija. A principal termina em empena e é rasgada por portal de verga reta, encimada por frontão de volutas e óculo e ladeado por óculos geminados. Fachadas laterais com janelas de capialço e porta travessa de verga reta na lateral direita e a posterior cega e terminada em empena. Interior de espaço único com retábulo-mor maneirista, de planta reta e três eixos, terminado em tabela.

Localiza-se no interior da povoação, a 640 m de altitude, junto a uma das vias estruturantes da mesma, formando pequeno largo na fachada principal e adaptado ao declive do terreno. Nas imediações da capela ergue-se campanário de planta retangular e corpo rebocado e pintado de branco, com faixa vermelha e de duas secções, a superior piramidal, possuindo vão em arco, albergando sino, rematado em cornija sobrepujada por cruz latina entre dois pináculos; sob o vão existe cruz e duas estrelas côncavas.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela do Senhor

IPA.00014055

Rua Henrique Botelho

5450,Bairro das Barreiras, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, oitocentista. Capela de planta longitudinal composta de torre quadrada, nave e capela-mor retangular, mais baixa e estreita, dispostos em eixo, com sacristia adossada à fachada lateral esquerda. Fachada-torre formando nártex, capela com portal de verga reta e duas janelas ovais. Fachadas laterais rematadas por friso e cornija moldurada e rasgadas simetricamente na nave por porta de verga reta entre janelas retangulares, e na capela-mor, na lateral direita, por janela igual. No interior, tetos em falsa abóbada de estuque, o da capela-mor decorado com motivos eucarísticos, coro-alto, púlpito do lado do Evangelho, dois retábulos laterais e o mor de talha branca e policroma, neoclássicos.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Capela Funerária de Quintã

IPA.00026188

Quintã, Vreia de Jales, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, maneirista. Capela de planta longitudinal simples, interiormente iluminada pelas frestas laterais. Fachadas em alvenaria de pedra, com cunhais horizontalizados coroados por pináculos, a principal terminada em empena truncada por sineira e rasgada por portal em arco de volta perfeita, de aduelas largas. Fachadas laterais terminadas em friso e cornija, rasgadas por frestas de capialço na zona do altar-mor e a lateral direita com porta travessa em arco de volta perfeita.

Localiza-se no interior da povoação, em adro apertado, sobrelevado ao caminho, pavimentado por lajes, murado e acedido por portão frontal precedido de escadas. Ao fundo do adro existe corpo de apoio à capela. É rodeado por habitações.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Afonsim / Igreja de Nossa Senhora da Assunção

 

IPA.00025104

Largo da Igreja, Alvão, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitectura religiosa, tardo-barroca. Igreja Paroquial de planta longitudinal composta de nave única, integrando torre sineira, e capela-mor, mais baixa e estreita, interiormente com tectos de madeira de perfil curvo e amplamente iluminado pelos vãos laterais e axiais, com sacristia e anexo adossados. Fachada-torre, com esta a desenvolver-se para o interior da nave, formando endo-nartéx, com cunhais delimitados por pilastras toscanas, encimadas por fogaréus, criando uma fachada de três panos, terminada em duplo friso e cornija com torre flanqueada por fragmentos de frontão volutado; é rasgada por portal de verga recta, com molduras múltiplas, encimado por nicho em arco de volta perfeita, decorado por concheados, albergando imagem do orago, ambos flanqueados pelas pilastras das torres, decoradas com capitéis estilizadas e motivos fitomórficos; nos panos laterais rasgam-se janelas de topos recortados formando avental. Fachadas laterais simétricas, rasgadas por janelas de capialço e portas travessas encimadas por espaldar recortado e volutado. Interior com coro-alto de madeira, baptistério no lado do Evangelho, confessionários embutidos lateralmente na caixa muraria, de verga recta, portas travessas ladeadas por pias de água benta, púlpitos confrontantes sobre mísula e guarda em balaustrada, duas capelas laterais e colaterais com retábulos de planta côncava e um eixo e o retábulo-mor tardo-barrocos com alguns elementos rococós, em talha policroma e dourada.

Localiza-se no limite da povoação, inserido em adro bastante largo, sobrelevado à mesma, servindo quase de miradouro, delimitado por muro, em cantaria de granito, interiormente percorrido por baileu, e encimado regularmente por plintos paralelipipédicos, coroados por pináculos, com pavimento em terra batida, alguma vegetação rasteira e faixa em cantaria, desenvolvida, desde a entrada do adro até ao portal principal da igreja.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Alfarela de Jales / Igreja do Divino Espírito Santo

IPA.00022730

Rua Central

Alfarela de Jales, Vila Pouca de Aguiar

Arquitetura religiosa.

 

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Bornes de Aguiar / Igreja de São Martinho

IPA.00006829

Portugal, Vila Real, Vila Pouca de Aguiar, Bornes de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, românica, maneirista e barroca. Igreja românica muito ampliada e transformada, de planta longitudinal composta por nave única e capela-mor, interiormente com tetos de madeira e iluminada pelas frestas laterais. Fachada principal terminada em empena truncada por dupla sineira e rasgada por portal de verga reta. No interior possui retábulos de talha dourada maneirista e barroca.

Acessos: Bornes de Aguiar, a partir de Pedras Salgadas seguir por EM que liga à EN 206, em direção a Valpaços, desviando junto da placa indicativa para a Igreja Matriz de Bornes de Aguiar.

Localiza-se numa zona arborizada a meia-encosta na Serra da Padrela. Isolada no centro de um adro murado retangular, de pavimento térreo e arborizado, com acesso lateral e frontal, sendo este com escadaria exterior de um lanço. Do lado nascente localizam-se a antiga residência paroquial, atualmente devoluta, e a Capela de São Geraldo.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Bragado / Igreja de São Pedro

IPA.00032312

Bragado, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, maneirista e barroca. Igreja paroquial de planta retangular composta por nave e capela-mor, interiormente com iluminação axial e bilateral e tetos de madeira. Fachadas rebocadas e pintadas, com cunhais apilastrados, coroados por pináculos e terminadas em friso e cornija; a principal termina em empena e é rasgada por portal de verga recta encimado por frontão semicircular e nicho. Fachadas laterais rasgadas por janelas de capialço e porta travessa na lateral direita e a posterior cega e terminada em empena. Interior com coro-alto de madeira, púlpito no lado do Evangelho, duas capelas laterais no topo da nave, um novecentista e outro de estrutura maneirista e retábulo-mor barroco, de planta recta e três eixos.

Localiza-se no interior da povoação, situada nas raízes da Serra do Bragado, inserido num dos largos principais, em plataforma artificial adaptada ao declive acentuado do terreno, com afloramentos rochosos, formando adro. Este é protegido por muro, em cantaria, acedido por escada disposta em posição lateral, integrando frontalmente campanário de planta retangular e corpo em cantaria, de dois registos, o primeiro cego e o segundo com sineira em arco de volta perfeita, sobre pilares, albergando sino, e rematada por cornija encimada por cruz sobre acrotério entre pináculos piramidais.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Gouvães da Serra / Igreja de São Jorge

IPA.00032316

Portugal, Vila Real, Vila Pouca de Aguiar, Alvão

 

Arquitetura religiosa, do séc. XX.

Planta retangular composta por nave e capela-mor, da mesma largura, tendo adossado à fachada lateral esquerda torre sineira quadrada e sacristia retangular. Volumes articulados com coberturas em telhado de duas águas na igreja e em coruchéu piramidal telhado na torre, rematadas em beirada simples. Fachadas em alvenaria de granito aparente com as juntas tomadas e pintadas de branco, com cunhais apilastrados, coroaoados por pináculos piramidais com bola e terminadas em cornija de betão. Fachada principal virada a N., terminada em empena, coroada por cruz latina, e rasgada por portal de verga reta, moldurada, e por janelão em arco formando falsos brincos retos. Torre sineira de tendência vertical, de três registos, os dois primeiros separados por cornija de betão telhada, e o superior por cornija, rasgando-se em cada uma das faces vão curvo longilíneo.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Parada de Monteiros / Igreja de São Pedro

IPA.00032314

Pensalvos, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa.

Planta retangular composta por nave e capela-mor, mais baixa e da mesma largura, com volumes escalonados com coberturas em telhado de três águas na nave e duas na capela-mor, rematadas em beirada simples. Fachadas em cantaria aparente, rematadas em cornija. Fachada principal terminada em empena truncada por sineira, em arco de volta perfeita sobre pilares, rematada em cornija, coroada por pináculos piramidais e cruz central. É rasgada por portal de verga reta. Fachada lateral direita com nave rasgada por duas frestas de capialço e porta travessa de verga reta e capela-mor por vão na zona do retábulo. A fachada posterior é cega e termina em empena.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Pensalvos / Igreja de Santa Eulália

IPA.00009570

Largo da Igreja, Pensalvos

Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, barroca. Igreja seiscentista de planta longitudinal composta por nave única e capela-mor retangular, mais baixa e estreita, com sacristia adossada à fachada lateral esquerda. Fachada principal em frontão triangular com nicho no tímpano, rasgada por portal de verga reta e óculo. Alçados com pilastras nos cunhais e remates em friso e cornija, sendo os laterais rasgados por frestas, confrontantes, e porta travessa na lateral direita. Interior com cobertura de madeira, em falsa abóbada de berço, formando caixotões de talha, barrocos, pintados com cenas figurativas, coro-alto, púlpito no lado do Evangelho e retábulos, em talha dourada, barrocos, os laterais, confrontantes, de estilo joanino e o mor de estilo nacional; integra-se na tipologia de igrejas com parede envolvendo o arco triunfal completamente revestida de talha dourada, integrando retábulos colaterais, de estilo joanino. Igreja de raiz medieval profundamente remodelada nos séc. XVII e XVIII, com campanário, de dupla sineira, construído separadamente no adro, variante pouco frequente no distrito. Fachadas de cunhais ritmados pela alternância de frisos e cornijas, sobretudo na fachada principal, devido ao frontão que a remata ser aberto nos ângulos.

O portal, de verga reta, assente diretamente nas ombreiras, é talhado de modo a criar pequeno ressalvo do paramento. Nesta fachada, destaca-se ainda o óculo, quadrilobado, tipo trevo, aberto numa só pedra, com losango inferior e superior colocado de modo diferente, e o nicho, com decoração vegetalista e concheada envolvente. Interior de maior riqueza decorativa devido aos retábulos de talha dourada e tetos de caixotões entalhados com pinturas de diversa temática, com legenda em latim, representando temas hagiográficos e bíblicos, sendo o travejamento em talha dourada e policroma.

Os retábulos laterais rematam em espaldar curvo, destacando-se o dedicado a Nossa Senhora do Rosário, que apresenta no painel fundeiro a representação dos 15 mistérios do Rosário. O retábulo-mor, com a parte central levemente côncava, é povoado por vários anjos e querubins encarnados, que contrastam com a policromia e o dourado da talha, surgindo lateralmente painéis decorados com acantos e anjos que sustentam vasos floridos.

Na base das colunas, surgem atlantes. Enormes resplendores dourados marcam os fundos dos retábulos, bem como o remate dos colaterais. As imagens de Santa Eulália não ostentam os seus atributos habituais, sendo identificável pela legenda na base de uma das esculturas. Realce para as grandes pias de água-benta, encimadas por abóbadas de quarto de esfera, que ladeiam os portais de ligação ao exterior. O acesso ao coro-alto era feito por escada colocada junto à parede da fachada principal, como é tão comum no distrito, disposta no lado da Epístola, conforme documentam fotografias de meados do séc. XX.

Localiza-se no centro da povoação, em adro calcetado a lajes graníticas irregulares e murado, com acesso por portões de ferro sensivelmente a meio das fachadas laterais.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Santa Marta da Montanha / Igreja de Santa Marta

IPA.00032270

Alvão, Vila Pouca de Aguiar

 

Igreja Paroquial de provável construção quinhentista, com planta retangular composta por nave e capela-mor, interiormente com iluminação axial e bilateral, e reformada em 1917 e na segunda metade do séc. XX, então interiormente muito descaracterizada. Apresenta as fachadas em alvenaria de granito aparente, terminadas em cornija, a principal em empena e rasgada por portal de verga reta e óculo. Na fachada lateral esquerda rasgam-se janelas retilíneas e na oposta porta travessa encimada por janela, porta de acesso ao coro-alto e uma outra à capela-mor, sendo as molduras das janelas de modinatura recente. Junto ao arco triunfal e na capela-mor possui elementos em talha, muito repintados, que devem ter pertencido a antigos retábulos maneiristas.

Localiza-se na Serra do Alvão, no interior da povoação, constituída por casas tradicionais de granito, no seu limite sul, a 897 m de altitude.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Soutelo de Aguiar / Igreja de São Tiago

IPA.00032317

Portugal, Vila Real, Vila Pouca de Aguiar, Soutelo de Aguiar

 

Arquitetura religiosa.

Planta retangular composta por nave e capela-mor, tendo adossado à fachada lateral esquerda torre sineira quadrangular e sacristia retangular. Volumes escalonados com coberturas em telhado de duas águas na igreja, de uma na sacristia, rematadas em beirada simples, e em coruchéu piramidal, de cantaria, na torre sineira. Fachadas rebocadas e pintadas de branco, com cunhais apilastrados, coroados por pináculos sobre acrotérios e terminadas em friso e cornija. Fachada principal virada a O., terminada em empena coroada por cruz latina, sobre acrotério e rasgada por portal de verga reta, com moldura simples, e pequeno óculo quadrilobado, moldurado. A torre, recuada da frontaria, possui três registos separados por friso e cornija, sendo o primeiro cego, o segundo rasgado por óculo circular e o terceiro rasgado, em cada uma das faces, por vão em arco sobre pilastras, albergando sino; sobrepõe o coruchéu relógio circular.

Localiza-se no limite Norte da povoação, inserido em adro rebaixado relativamente à zona envolvente e à estrada de acesso; o adro é vedado por muro, frontalmente rebocado e pintado de branco, capeado a cantaria, com vão de acesso lateral ladeada por pináculos piramidais.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Telões / Igreja de São Salvador

IPA.00032315

Telões, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, do sec. XX.

Planta retangular composta por nave e capela-mor, mais baixa e estreita, tendo adossado à fachada lateral esquerda torre sineira quadrada. Volumes escalonados com coberturas em telhado de duas águas na igreja e em coruchéu piramidal na torre.

Localiza-se no exterior da povoação, em ampla plataforma formando adro, possuindo nas imediações o cemitério paroquial.

 

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Tresminas / Igreja de São Miguel de Tresminas

IPA.00006831

Tresminas, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, românica e barroca. Igreja românica de planta longitudinal e nave única, totalmente coberta com tetos de madeira, fachadas de silharia com cachorrada ornamentada, sendo a principal de empena truncada por dupla sineira e com portal de arco quebrado com duas arquivoltas molduradas. No interior, retábulo-mor barroco, de estilo joanino. Igreja românica de grande simplicidade, reutilizando na sua estrutura elementos de mós de mineração de época romana; conserva no seu frontispício a marcação vertical provocada pela corda de tocar os sinos da empena. O arco triunfal, com a arquivolta exterior bosantada, possui pelo lado interior consolas de apoio do eixo de portadas que devem ter fechado o espaço da capela-mor. Destaca-se ainda o arcossólio armoriado medieval na capela-mor e as pinturas talvez do séc. XVII / XVIII conservadas parcialmente sob camadas de cal na parede posterior, atrás do retábulo de talha.

Localiza-se numa zona de montanha da Serra da Padrela, situando-se a igreja encaixada a meia-encosta, sobranceira ao aglomerado, isolada no centro de um adro de planta retangular e pavimento térreo, definido por um muro de alvenaria que suporta os terrenos mais elevado. Do lado Norte encontra-se um nicho retangular integrado no muro albergando um sarcófago antropomórfico com tampa.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Valoura / Igreja de Santa Iria

IPA.00026013

Valoura, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, maneirista. Igreja Paroquial de planta longitudinal composta por nave e capela-mor, mais estreita, interiormente iluminada pelo óculo axial e frestas laterais. Fachadas com cunhais apilastrados, coroados por pináculos, a principal terminada em empena truncada por sineira e rasgada por portal de verga reta e óculo. Fachadas laterais com frestas de capialço e com porta travessa na lateral direita.

Localiza-se no interior da povoação e à beira do caminho que a atravessa, inserido em adro murado, pavimentado a paralelos de granito, com algumas zonas ajardinadas e pontuadas de árvore de grande porte, duas delas flanqueando a fachada principal.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Vila Pouca de Aguiar / Igreja do Cemitério

IPA.00025469

Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa, maneirista e barroca.

Planta longitudinal, composta de nave e capela-mor, mais baixa e estreita, tendo adossado à fachada lateral direita torre sineira quadrada, uma capela lateral facetada e sacristia retangular. Volumes articulados com coberturas diferenciadas em telhados de duas águas na igreja, de uma na sacristia e piramidal na torre e capela lateral. Fachadas em cantaria aparente, de aparelho irregular, com pilastras toscanas nos cunhais, coroadas por pináculos piramidais e terminadas em friso e cornija sobrepostas por beirado simples. Fachada principal terminada em frontão triangular coroado por cruz latina de cantaria, rasgada por portal de verga reta, moldurada, encimado por friso e cornija reta, encimado por óculo oval, moldurado; ladeia o portal pia de água benta esguia, encimada por nicho em arco de volta perfeita interiormente concheado. Torre sineira no alinhamento da fachada principal, com cunhais apilastrados e de quatro registos, o inferior separado por friso e os restantes por friso e cornija; no segundo registo possui cartela oval inscrita, no terceiro óculo circular com raios e no quarto, em cada uma das faces, sineira em arco de volta perfeita, sobre pilastras e chave saliente; termina em balaustrada com pináculos a coroar os ângulos; a torre é acedida posteriormente por porta de verga reta.

Localiza-se num dos limites da vila, erguida num morro sobranceiro e dominante da mesma, inserida num adro acedido por escadaria e vedado por muro. Junto à fachada lateral direita, implanta-se o cemitério com portão encimado por espaldar retangular com vão integrando imagem em relevo inserta num nicho de arco e pilastras concheadas, coroado por pináculos laterais e cruz central sobre plinto. Num dos pilares do acesso frontal do adro, insere-se lápide com inscrição antiga.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

Igreja Paroquial de Vreia de Bornes / Igreja de Nossa Senhora da Assunção

IPA.00033733

Vreia de Bornes, Vila Pouca de Aguiar

 

Arquitetura religiosa.

Planta retangular composta de nave única e capela-mor, tendo adossado à fachada lateral esquerda corpo retangular e à direita o um outro, mas mais pequeno. Volumes articulados com coberturas em telhados de duas águas na igreja e de uma nos corpos adossados.

Localiza-se no limite Norte da povoação, inserido em adro, vedado por muro e pontuado de árvores, junto ao qual passa a via que atravessa o povoado.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/

 

Igreja Paroquial de Vreia de Jales / Igreja de Nossa Senhora da Assunção

IPA.00026012

Vreia de Jales, Vila Pouca de Aguiar

Arquitetura religiosa, maneirista.

Fonte: http://www.monumentos.gov.pt/